Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Trabalho Freelancer – Tudo o que você precisa saber

trabalho freelancer renda extra
Trabalho Freelancer – Tudo o que você precisa saber
Esse texto te ajudou?

E se a solução para você sair da crise estivesse neste texto? Ela está. Leia com atenção!

Introdução – Freelancer como saída para a crise

Trabalho freelancer é o segredo para por um fim definitivo no orçamento apertado. Se você não sabe o que é ser um freelancer (já falamos disso em outro post), trata-se de trabalhar para uma ou diversas empresas sem ter um vínculo empregatício.

A cidade inteira de São Paulo está desempregada.

trabalho freelancer desemprego

Ou pelo menos uma quantidade equivalente a ela. Ao todo, são quase 12 milhões de brasileiros desempregados. Eles não têm nenhum fonte de renda. Veja a reportagem completa do Globo.com.

Além disso, o que estão empregados, vivem um regime de aperto. Segundo o G1, o Natal de 2016 será um dos mais magros da história. A maioria da população usará o 13º para pagar dívidas e não podem se comprometer. Veja os dados do 13º:

  • 46% pagará dívidas
  • 14% guardará o dinheiro
  • 18% pretender comprar alguns presentes, mas sem contrair muitas dívidas

Eu já passei por situações assim, mas há muito tempo. E posso afirmar que você pode MUDAR DE VIDA, sair do aperto e fazer dinheiro extra lendo este texto.

Ser freelancer é sair do padrão do mercado de trabalho. Ao sair desse molde onde a maioria se encaixa, você deixa de sofrer com o que a maioria sofre. As crises passarão por todas as áreas antes de atingir os freelancers.

Então não deixe essa página sem entender alguma coisa, comente no fim do artigo para eu ajudar você a sair dessa!

Boa leitura!


Desempregados podem buscar trabalho freelancer para manter renda

trabalho freelancer vaga
Descubra como conseguir renda extra com trabalho freelancer. Foto: Shutter Stock.

E caso você não saiba, crise pode significar uma oportunidade. Afinal, é nesse momento que o mercado entra em recessão e a maioria das pessoas e das empresas reagem da mesma forma: se contraindo e arriscando menos.

Qualquer pessoa mais criativa, utiliza esse momento a seu favor para se destacar e ganhar dinheiro. Aprenda a transformar crises em oportunidade!

Como disse, acredito no trabalho remoto e tenho certeza que ele é perfeito para pessoas com ou sem emprego, mas também é ótimo para empresas em crise. Sabe por quê?

Benefícios do trabalho freelancer para empresas

  • Economia com espaço físico, estação de trabalho, internet, suprimentos e outras coisas para manter alguém trabalhando no escritório
  • Remunerar por hora, baseado em resultados – isso melhora a performance da empresa
  • Contar com um profissional altamente qualificado que não poderia contratar por tempo integral
  • Aprender novos conhecimentos de mercado com freelancers
  • E muitos outros.

Lembre-se dessa pequena lista quando for falar com seu chefe sobre essa possibilidade.

Então, vamos aprender mais sobre o trabalho freelancer para sair da crise? Continue lendo!


Benefícios de ser um freelancer

Como você já deve imaginar, existem uma série de benefícios que com certeza você busca aqui. Para poder usufruir deles, poucas coisas são necessárias. Na maioria dos casos, basta um computador e uma boa internet. E claro, muito conhecimento sobre uma área.

Veja a seguir como é bom ser um freela:

  • Faça o seu próprio horário
  • Tenha uma grande liberdade
  • Qualidade de vida superior
  • Tempo para realizar projetos
  • Dedique-se mais à família
  • Decida quando você vai sair de férias (e se quiser, trabalhe nas férias)
  • Conheça o mundo
  • Tenha mais tempo para cuidar do seu cachorro
  • Tenha mais recursos para estudar e ser um ótimo profissional
  • Aprenda novas áreas de trabalho

Quais outros benefícios você já notou na rotina de freelancer? Deixe o seu comentário!


10 dicas para começar a fazer freela

1 – Não há limite geográfico – pode trabalhar pela internet

trabalho freelancer
O melhor de ser freelancer é ser freelancer de qualquer lugar. Imagem: Shutter Stock.

Essa dica é bem simples. Use o fato do trabalho ser remoto a seu favor. Trabalhe em um local em que você consiga ser produtivo todos os dias. A ausência de limites também possibilita pegar quando jobs (trabalhos) você conseguir dar conta.

Por isso é comum um freelancer ganhar muito mais do que um contratado da mesma área.

2 – Saiba quais áreas estão demandando mais frilas

Segundo a Workana, em pesquisa para o portal Exame, as áreas de freelancer mais aquecidadas são:

    • Profissionais de TI e programação

    • Designers e profissionais de multimídia

    • Tradutores e produtores de conteúdo

    • Profissionais de marketing e vendedores

    • Engenheiros e profissionais da área de manufatura

    • Profissionais administrativos

    • Profissionais do direito

  • Profissionais de finanças e administradores

3 – Tenha consciência das suas habilidades

Você sabe do que é capaz? Muitas vezes nos pegamos em menosprezo, enquanto possuímos uma capacidade incrível de aprendizado.

Veja mais neste vídeo:

Mas o ponto de início é fazer uma autorreflexão:

  • No que você realmente é melhor?
  • No que gostaria de ser mais habilidoso?

Mas a grande questão é:

Se você fosse rico, o que faria pelo resto da vida?

A resposta dessa pergunta deve nortear seus estudos para ser um freelancer de sucesso. Amor pelo que se faz é a chave de tudo!

Depois que escolher o seu nicho, estude-o a fundo! Seja o melhor nisso. Aproveite todo conhecimento gratuito no meu blog, no YouTube, grupos de especialistas no Facebook e muito mais!

4 – Atualize seu portfólio

trabalho freelancer vitrine
O seu ‘portifa' é como uma vitrine. Mostre o seu melhor da melhor forma possível. Foto: Shutter Stock.

Um freelancer não é julgado ou escolhido pela sua faculdade, mas sempre pelo seu trabalho. Esses fatores podem até influenciar, mas o que mais pesa na decisão da empresa contratante é o portifólio.

Então escolha uma dessas plataformas para manter seu trabalho online e atualizado:

Saiba tudo sobre como criar um blog do zero para o seu portfólio em nosso artigo.

5 – Entenda e conheça o mercado

Entender e conhecer o mercado com uma visão estratégica é fundamental para entender as empresas e suas necessidades. Assim você molda os seus serviços de acordo com suas necessidades e se tornar um freelancer com muito mais valor agregado.

6 – Desenvolver a comunicação é fundamental

trabalho freelancer videoconferencia
Você ainda terá de administrar relações profissionais! Foto: Shutter Stock.

Comunicação é a base de todo trabalho freelancer (inclusive os freelas de arquitetura ou áreas de exatas) pelo simples fato que você precisará trabalhar em equipe com pessoas a distância. Isso significa que a falta de comunicação pode prejudicar alinhamentos e comprometer projetos seriamente.

7 – Escreva sua carta de recomendação

Carta de recomendação é um depoimento no qual um antigo empregador atesta os atributos positivos de um trabalhador. No mundo do freelancer, ele é perfeitamente aplicável com uma simples troca de mensagens que você pode exibir em seu site ou então pedir para que o “recomendante” o faça no Linkedin.

8 – Leia atentamente as descrições de vagas

Não se jogue em qualquer vaga. Entenda bem qual tipo de trabalho e qual a remuneração para ele. Afinal, você não quer trabalhar dias ou até semanas em algo que era para ser feito em um dia não é mesmo?

9 – Freela pode ir muito além de um único projeto

Como já falamos, você pode fechar vários projetos ao mesmo tempo. Ou então ficar sem trabalhar em nenhum por um mês. Depois trabalhar meio per

trabalho freelancer multitarefa
Mas cuidado para não se enrolar! Imagem: Shutter Stock.

íodo. Você pode trabalhar em uma área e estudar outra.

O melhor de ser freelancer é ter liberdade para fazer o que quiser com o seu tempo!

10 – O primeiro trabalho freelancer será mais difícil

Os primeiros sempre são os mais difíceis – como em qualquer coisa nova na vida. Mas logo você vai encontrar os atalhos da produtividade. Por isso, a minha dica é:

Comece como freelancer nas horas vagas e vá aumentando a dedicação conforme for aumentando a receita e a sua produtividade.

 


Como cobrar pelo trabalho de freelancer?

Essa é a dúvida de todo freelancer. Afinal, trabalhar de graça não dá, né?

Claro que dá se você estiver começando e não for muito bom nessa área. É uma ótima forma de começar em uma área e não se arriscar no mercado. Desse jeito você aprende sem responsabilidade. Entendeu?

Mas depois que você dominar algo para poder pelo menos entrar no mercado, é preciso saber cobrar.

Faça uma pesquisa na área em que quer atuar

Entenda quanto os seus concorrentes cobram, quando o público A,B,C e D pagariam pelos seus serviços. Então defina qual a melhor estratégia de preço.

Aprenda a calcular quanto vale sua hora de trabalho e os lucros que quer ter

trabalho freelancer quanto cobrar
Cuidado para não sair no prejuízo! Imagem: Shutter Stock.

Existe uma questão muito importante se você quiser viver de freela: quanto você precisa ganhar por hora para sobreviver? Essa conta se faz assim:

  • Some todos os seus custos fixos (água, luz, internet, etc) + custos variáveis (lazer, investimento, etc)
  • Divida esse valor pelas horas que você quer trabalhar na semana
  • Esse é o valor mínimo para você trabalhar

Exemplo: eu preciso de 3000 por mês para manter meu padrão de vida e quero trabalhar 8 horas, apenas em dias úteis. Eu devo cobrar pelo menos R$68,18 por hora.

Negocie seu valor e apresente uma proposta

Mas não precisa ser paranóico com isso. Tope trabalhar por menos e quando sentir segurança cobre mais. Afinal, a sua experiência e capacidade de dar resultados incríveis fazem a sua hora valer muito mais que o mínimo.

A arte da negociação consiste em saber o seu valor e saber quanto a outra ponta está disposta a pagar. Nem sempre isso será claro. Então seja honesto e verdadeiro em todas suas negociações.

Lembre-se que a mentira tem perna curta. Cedo ou tarde você pode resvalar em seus blefes e mentiras. Assim, você poderá criar laços além dos profissionais. O que inclusive fará com que as empresas prefiram você a outros profissionais que forneceriam a mesma solução.


Como trabalhar como freelancer


A dica principal é: tenha uma rotina de produtividade.

Nós precisamos de rituais para que o nosso corpo e mente entendam que está na hora de produzir. Para isso, eu listei a minha rotina para você entender como é possível trabalhar de casa e ser muito produtivo:

  • 10h – eu costumo acordar tarde porque rendo mais à noirte
  • 10h15 – café da manhã e banho (eu sempre troco de roupa – isso me ajuda a mostrar que eu devo “sair de casa”)
  • 10h40 – organizo minha agenda do dia por tarefas e subtarefas
  • 11h – começo a trabalhar
  • 16h – pausa para descansar – neste momento costumo caminhar um pouco, respirar ar puro
  • 18h – volto para minha estação de trabalho
  • 22h – paro de trabalhar e normalmente saio para fazer alguma coisa diferente
  • 1h – volto a trabalhar
  • 3h – costumo dormir nesta hora

Claro que não tenho horários fixos assim. Eu faço minha agenda no dia. Mas a dica é: encontre os horários e formas que você consegue trabalhar com mais foco e qualidade. 

Se você é casado e/ou tem filhos, vale conversar com eles para respeitarem o seu espaço.


 Como é o home office perfeito


Ele não precisa ser decorado por um arquiteto e custa dezenas de milhares de reais. Basta ser um lugar onde você se sinta bem para permanecer boas horas do seu dia trabalhando pela internet.

Lembre-se que o seu escritório em casa precisa ser um ambiente saudável. Então mantenha-o sempre limpo e arejado. Uma ótima dica é ter plantas e grandes janelas.

Os itens básicos são:

  • Mesa de trabalho e material de escritório
  • Cadeira que não prejudique a coluna
  • Iluminação que não force os olhos
  • Local visível para fazer um planejamento
  • Conexão com internet de banga larga
  • Fone de ouvido com microfone (de celular serve)

Enfim, o home office perfeito é o que você pode pagar e dispõe imediatamente. Não entre na neura de que você precisa do local perfeito para poder fazer o local perfeito.

Eu já escrevi grandes artigos pelo celular em transportes coletivos pela cidade. Com certeza o que mais importa é o conteúdo do seu trabalho do que a forma que você faz. As dicas acima são apenas para que você cultive hábitos saudáveis e produtivos.


Conclusão

TRABALHO FREELANCER VALE A PENA
Você possui o perfil de freelancer? Foto: Shutter Stock.

O trabalho freelancer não é para todos. É preciso ter um perfil específico de comportamento profissional para ser um bom freela e ganhar muito dinheiro em casa.

O bom freelancer pode ser descrito como:

  • Uma pessoa resiliente
  • Organizado
  • Focado
  • Curioso (ama aprender coisas novas)
  • Preza pelo resultado acima de tudo
  • Ama o que faz
  • Comprometido com prazos e acordos
  • Trabalha duro mesmo sob dificuldades
  • Chama a produtividade de melhor amiga
  • Uma pessoa que está sempre à frente no mercado procurando tendência e novas formas de fazer as mesmas coisas – só que melhor

Em resumo, o bom freelancer seria o empregado perfeito. E é exatamente por isso que o trabalho freelancer é autônomo – porque ele é bom demais para trabalhar para apenas uma empresa. O mercado possui grandes oportunidades para esse profissional.

vantagens de trabalhar em casa

Quando você chegar nesse ponto, a minha dica é:

Compartilhe o seu conhecimento

Isso o ajudará a se tornar autoridade em sua área. E, se você ler estes artigos abaixo, eu ensinarei você a ganhar dinheiro com conteúdo especializado.

É muito fácil ganhar dinheiro em casa e conseguir trabalho freelancer quando se é especializado em alguma coisa. E o melhor disso é que você terá uma fonte de renda contínua capitalizando o seu conhecimento.

O meu desejo é que você consiga se tornar um profissional do trabalho freelancer e saia da Crise Financeira de vez para finalmente poder respirar quando o assunto é dinheiro. Espero que tenha aproveitado o artigo!

Gostou deste conteúdo? Acredita que ele pode ajudar você a sair da crise? Ou melhor ainda, que a sua merecida independência financeira está mais próxima? Então deixe o seu comentário! A sua opinião é muito importante para mim!

Se quiser receber outros artigos, basta assinar nossa Newsletter. Assim, você sempre será notificado por e-mail e poderá continuar a crescer na crise!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *