Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Saia do emprego – Guia de ideias para trabalhar por conta própria

ideias-para-trabalhar-por-conta-propria-profissoes-730x492
Saia do emprego – Guia de ideias para trabalhar por conta própria
Esse texto te ajudou?

Introdução – Boas ideias para trabalhar por conta própria

E se você descobrisse uma forma de ganhar mais dinheiro trabalhando por conta própria? Você se demitiria? Se o que você precisa é de um impulso e boas ideias para trabalhar por conta própria, esse texto é para você.

Muitas vezes, temos vontade de começar um negócio próprio, mas não sabemos exatamente por onde começar, não é mesmo? Aí, surgem as inseguranças, os medos e os perigos dos “se’s”, que sempre nos travam no momento de tomar as decisões mais importantes e nos impedem de levar adiante nossas ideias para trabalhar por conta própria.

Ideias para trabalhar por conta própria
Quais as suas melhores ideias para trabalhar por conta própria?

Mas não se assuste. Isso é mais normal do que você imagina.

Só não se esqueça de uma coisa que carrego comigo e me ajudou muito nos momentos de indecisão: as coisas só dão certo se acreditamos nelas e nos empenhamos para realizá-las.

Então, antes de seguir esse texto, gostaria de combinar uma coisa com você: a partir desse momento, as palavras que devemos ter em mente são:

  • Foco
  • Determinação
  • Coragem
  • Disciplina
  • Disposição

Acredite: tendo isso sempre na memória, as ideias para trabalhar por conta própria vão fluir de forma mais leve e simples. E você vai ter a certeza de que está no caminho certo.

Falando em caminho, temos um longo caminho a percorrer nesse texto para que, no fim dele, você se sinta apto e confiante para colocar em prática as ideias para trabalhar por conta própria.

E você deve estar se perguntando:

Por onde começar?

O começo é realmente a parte mais difícil.

Devemos começar sempre de um único ponto e é sobre ele que vamos falar nesse artigo. Sei bem que o mais difícil é dar um start nas coisas.

Comigo foi assim.

Precisei tomar muito fôlego e reunir bastante força de vontade para iniciar o meu próprio negócio e começar a ganhar dinheiro com ele.

Hoje, já algum tempo depois do começo de tudo, percebo o quanto valeu a pena cada noite de insônia e cada dia que eu achava que perdia, tentando encontrar uma boa ideia. Na verdade, eu estava ganhando e só hoje percebo isso.

Tudo que precisamos é de um novo fôlego e de uma grande ideia.

Mas, primeiro, vamos conversar sobre outras coisinhas para que você chegue na parte prática bem orientado e sem dúvidas.

Vamos lá?

Vem comigo e boa leitura.

Como trabalhar por conta própria com pouco investimento?

Essa é uma dúvida que surge com muita frequência.

Esfrie a cabeça e não perca o foco em suas ideias para trabalhar por conta própria
Esfrie a cabeça e não perca o foco em suas ideias para trabalhar por conta própria

É possível ter boas ideias para trabalhar por conta própria e fazer dar certo com pouco dinheiro?

Digo que sim, é possível. Alguns trabalhos podem ser feitos de casa, sem nenhum investimento, inclusive.

Em alguns trabalhos em casa, por exemplo, você vai, muitas vezes, precisar de um bom computador (talvez esse seja o seu único investimento).

O importante é que você se conheça bem e, a partir daí, descubra se está disposto a ter o seu próprio negócio e com o que você poderia (ou gostaria) de trabalhar.

A minha dica mais valiosa aqui é que você pergunte para você mesmo:

O que você prefere?

– Trabalhar por conta própria mesmo com pouco investimento e ganhar menos?

– Trabalhar fora ganhando um pouco mais (ou às vezes o mesmo tanto) e ainda aguentar cobranças e pressões dos chefes?

A resposta a essas perguntas guiará você por todo o seu caminho, pois é ela que lhe dará determinação e foco na busca e na conquista dos seus maiores objetivos.

Vamos em frente?

Antes de iniciar nossa jornada rumo a sua liberdade profissional e auto suficiência financeira, com ideias para trabalhar por conta própria, vamos conversar sobre os principais fatores que levam as pessoas a quererem trabalhar por conta própria – e as vantagens de ser o próprio patrão.

Dessa forma, ficará mais claro pra você entender porque anda tão insatisfeito com sua atividade atual. E se você está em uma situação de desemprego, poderá fortalecer a ideia e tomar coragem para investir em um negócio para chamar de seu.

Vantagens de trabalhar por conta própria

Possibilidade de ganhar mais:

Em tudo o que vamos fazer na vida ou investir, temos pelo menos 50% de chance de ter sucesso.

Isso também inclui sua jornada empreendedora. É claro que haverá situações em que as pessoas começarão ganhando menos e investem mais dinheiro no início dessa jornada, mas a chance de dar muito certo e ter muito retorno financeiro – bem acima da média – está na mesma proporção.

Invista em boas ideias para trabalhar por conta própria
Invista em boas ideias para trabalhar por conta própria

A partir do momento em que estiver trabalhando por conta própria você poderá determinar os valores do seu próprio salário, o pró-labore.

Se você for prestador de serviços ou ganhar por produção poderá estabelecer o quanto deseja – ou vale à pena produzir – para atingir seus objetivos financeiros.

Se for um revendedor, trabalhará seus ganhos em cima das margens de lucro que definir e também do volume de vendas que conseguir realizar.

Em todos os casos, estabelecerá metas para as quais terá que trabalhar duro para alcançar, porque como já conversamos antes, trabalhar por conta própria não é ter vida mole, apesar de ter a vantagem de poder fazer seu próprio horário de trabalho e estipular o quanto quer produzir.

Trabalhar por conta própria é sinônimo de suor e muito esforço. Não podemos esquecer da determinação! Mas é recompensador, e isso eu posso te garantir!

Qualidade de vida:

uma das grandes vantagens de trabalhar por conta própria é poder investir um pedacinho do seu dia em tarefas que te trazem prazer, como almoçar com seu filho, fazer uma boa caminhada ou aquela aula de yoga que você tanto queria.

Isso porque, como você estipulará seu horário de trabalho, poderá fazer pausas estratégicas que não prejudique seu rendimento profissional.

Isso não significa que trabalhará menos no início de seu negócio e talvez trabalhe até mais, mas significa que terá liberdade para administrar seu próprio tempo e inserir na sua rotina atividades que cuidem do seu bem-estar físico e psicológico.

Satisfação pessoal e profissional:

para que seu negócio dê certo é preciso se dedicar da mesma forma e até mais do que se dedicava em seu emprego.

A diferença é que você está ciente de que todo o esforço valerá à pena no final. Por isso, sempre digo que uma das vantagens de empreender é a satisfação pessoal.

Você sentirá orgulho de seu trabalho, de seus resultados e de sua dedicação! Poderá se premiar, quando julgar adequado e não sofrerá com a falta de reconhecimento, uma das principais queixas de quem é empregado de carteira assinada.

Direitos trabalhistas:

se você é um trabalhador inteligente e estratégico, sabe que não poderá se descuidar do recolhimento dos impostos, principalmente da Previdência Social.

Isso vai te assegurar na sua jornada empreendedora e garantirá que você tenha quase os mesmos benefícios que um trabalhador em regime CLT.

Com a contribuição você garantirá seu direito à aposentadoria, auxílio doença e licença maternidade.

Você pode me perguntar: “mas e as férias e o décimo terceiro salário?”

Bem, isso será compensado pelos seus ganhos e programado dentro de seu planejamento financeiro.

Esses benefícios sairão da sua poupança, específica para essas retiradas!

Possibilidade de crescer:

algumas pessoas estão engessadas em empresas, sem espaço para crescer e se desenvolver profissionalmente.

Esse problema é resolvido quando ela se arrisca a empreender.

Trabalhando por conta própria seu crescimento dependerá exclusivamente de você – e quando falo isso ressalto os treinamentos, capacitações e todos os investimentos necessários para que você tenha papel de destaque no mercado, independente da sua área de atuação.

É preciso ter planejamento e gestão para investir em seu crescimento, traçar metas claras para seu negócio prospere e você também.

Contribuição para a economia do país: sabemos que estamos vivendo uma grande crise financeira, que afetou principalmente a indústria, o comércio e construção civil.

Esses setores sofreram grandes perdas e foram obrigados a demitir seus trabalhadores em massa. Nesse cenário de tristeza, demissão, recessão e baixas de rendas, o empreendedorismo surge como uma salvação.

Os autônomos e empreendedores individuais estão fazendo com que a economia gire, criando produtos, serviços e soluções para fugir do grupo de mais de 14 milhões de brasileiros que estão desempregados.

Por isso, não tenha dúvidas, esse é um bom momento para empreender!

Dicas para mudar de carreira com sucesso

Esse tipo de decisão é coisa muito séria. Confesso que quando a tomei, não pensei que poderia utilizar táticas para deixar tudo mais leve, fluindo de uma melhor forma.

Mas recomendo que, além de ter boas ideias para trabalhar em casa, você não coloque nada em prática sem refletir sobre as dicas abaixo.

Está pronto para sair de vez do modo estático e começar a mudar sua vida?

Eu espero que sim, pois quero muito ver coisas boas acontecendo para você.

Então, siga em frente!

Entenda o mercado

É loucura entrar em uma nova carreira sem estudar os possíveis ganhos, o público consumidor, os concorrentes e até as possíveis novas formas de oferecer um produto ou um serviço específico.

Estude o mercado pela internet (você pode, inclusive, fazer cursos online) e se possível converse com profissionais autônomos que já vivem dessa atividade.

Se informe!

E, em suas pesquisas, sempre busque lacunas de mercado que você possa preencher. É a melhor forma de conseguir acertar na primeira tentativa de negócio independente.

Faça um planejamento

Já ouviu falar em plano de negócios? De nada adianta ter boas ideias para trabalhar por conta própria, se você não tiver um bom plano de negócios.

Ele é um processo no qual você deve deixar claro o posicionamento de sua empresa. Ele é muito importante, pois vai direcionar todas as ações do seu negócio.

Sem ele, sua empresa fica sem identidade perante o público e o mercado, o que com certeza deve acarretar em prejuízos.

Além disso, você precisa ter esse direcionamento para seguir os próximos passos com firmeza, sem ficar meio lá e cá nas decisões e ideias.

Por isso, antes mesmo de colocar a mão na massa, desenhe o seu negócio. Lembre-se sempre: ele deve se destacar de todos os outros.

Experimente primeiro

Antes de executar o seu plano de negócios, tente experimentá-lo em um cenário reduzido. Talvez em casa convidando amigos ou até mesmo testar na prática com uma pequena página na web ou prospectando parceiros.

Se a aceitação já for ruim de cara, busque alguns feedbacks para contornar a situação e lançar um modelo de negócio com chances maiores de acerto. Um mentor experiente é muito bem-vindo nessa hora.

Tenha uma reserva

Já sabemos que algumas coisas nem sempre dão certo no primeiro momento. Muitas vezes, é preciso insistir por alguns meses até que o negócio realmente tome forma e comece a pagar as contas do mês.

E nem estamos falando do dia de payback (momento em que o negócio traz rendimentos que compensam todo o investimento inicial). Mas sim do valor necessário para sobreviver sem apertos.

Por isso, é importante que você tenha algum dinheiro para não fechar logo no primeiro mês no vermelho. No seu planejamento, preveja o custo mensal e tenha pelo menos o suficiente para 6 meses de operação.

Aposte no networking

Ninguém alcança o sucesso sozinho, não é mesmo?

E, mesmo seguindo todas essas dicas, ninguém está livre de fases ruins. E disso nós também já sabemos.

Então, o meu conselho aqui é: invista em um bom networking, fazendo bons contatos e estando sempre presente em eventos do ramo do seu negócio, para apresentar-se ao mercado.

Vale também investir os seus recursos para manter uma ótima frequência e uma excelente qualidade de trabalho.

DICA:

Caso as coisas fiquem ruins demais (embora não contemos com essa possibilidade aqui), não apele para empréstimos. Opte por procurar um sócio que agrega ao negócio e que tenha mais uma reserva para investir e ajudar seu negócio a prosperar financeiramente.

Lembre-se da importância do networking.

Cuidado com os deslizes

Agora, que você já conhece as vantagens de trabalhar por conta própria e sabe como pode se desenvolver apostando em seu próprio negócio, vamos conversar sobre os erros que você poderá cometer nessa jornada.

Sabemos que errar é humano. Às vezes, até acertar o tom, um trabalhador vai tentar várias e várias vezes.

Por isso, a persistência é o diferencial entre os empreendedores que alcançam o sucesso e os que desistem na metade do caminho.

Para evitar os equívocos mais comuns e que te impedem de crescer quando você decide trabalhar por conta própria, preste atenção nas dicas:

Não pagar impostos ou viver na informalidade

Um dos principais erros cometidos por quem decide empreender é fugir dos impostos pensando que vai “sair caro” se formalizar. Mas a verdade é bem diferente disso.

Pense bem, não pagar seus impostos por serviços prestados ou tentar driblar a receita pode sair muito caro para você.

A situação pode ficar bem feia se você resolver não contribuir para a Previdência Social, por exemplo. É claro que a gente pensa que sempre vai estar bem e disposto para trabalhar.

Mas se um dia você adoecer e não puder trabalhar? A quem vai recorrer para receber auxílio? Se suas contas com a Previdência estiverem dia é só correr lá!

Não saber calcular custos

Ah! O eterno problema do empreendedor que não conhece seus custos de produção para colocar preço nos seus produtos, não sabe dar avaliar o custo do seu serviço e acaba ficando no prejuízo no final das contas.

Faça as contas para não ter prejuízos
Ideias para trabalhar por conta própria: tenha foco e mantenha as contas em dia

Saiba que esse é um problema grave para quem está trabalhando por conta própria! O trabalhador corre o risco de cobrar altos preços e perder a competitividade no mercado, ou de cobrar muito aquém da entrega, ficando no prejuízo.

Nos dois casos, o empreendedor sai perdendo. Por isso, é importante fazer uma pesquisa sobre seu mercado, entender como é a demanda, política de preços e também conhecer técnicas de negociação. Tudo isso vai te dar suporte para cobrar preços justos pelo seus serviços, nem mais, nem menos.

Acumular trabalho demais

sabemos que quem trabalha por conta própria não pode se dar ao luxo de escolher apenas os “trabalhos legais” que aparecem.

É preciso ficar atento para as oportunidades, porque às vezes um trabalho que você considera “chato” pode gerar conexões e abrir portas para oportunidades muito legais de desenvolvimento.

Isso também não significa que você terá que pegar todo o trabalho que aparecer. Mesmo com receio de dispensar e faltar no futuro, não se deve assumir mais trabalho do que uma pessoa normal consiga realizar.

Pense que você também precisa se preocupar com sua saúde, bem-estar e qualidade de vida. Afinal, você decidiu empreender para que tivesse certas liberdades que o regime de carteira assinada não te permitiram ter. E os limites estão entre essas liberdades.

Falta de foco

Tem gente que pensa: ‘estou disponível para o que der e vier”, não é verdade? Mas, você é bom em tudo? Não! existem certas atividades que realizamos com maestria, mas para outras não levamos os maior jeito.

Um dos pecados de quem está trabalhando por conta própria é tentar fazer/pegar tudo que aparecer em nome do dinheiro. Não estou falando que você não deve diversificar suas atividades, como um revendedor, por exemplo, que trabalha com várias marcas.

Mantenha o foco
Tenha foco em seus ideais e objetivos

Estou falando que se você é um ótimo artesão, pode não levar jeito para ser redator freelancer, mesmo que se empenhe muito. Ou, se você é um mecânico de mão cheia, pode não acertar o ponto da receita de bolo de pote.

Invista no que você é muito bom! assim, você se tornará um expert e com certeza se destacará no mercado.

Enfim, esses são alguns dos pecados mais cometidos pelos empreendedores em início de jornada.

Tente evitá-los para não comprometer sua produtividade e perder o precioso tempo que pode dedicar ao seu trabalho.

Não se esqueça de ficar de olho nas possibilidades

Já conversamos sobre planejamento, vantagens de se trabalhar por conta própria, inspirações e até sobre os pecados que não se deve cometer.

Ainda não falamos sobre possibilidades! E são muitas! Se você resolveu trilhar um novo caminho profissional, quer mudar de área, de carreira ou está desempregado martelando a cabeça sobre como conseguir renda, existe uma infinidade de possibilidades para você!

Elas também servem para quem deseja alcançar uma renda extra, investindo em uma atividade freelancer durante seu tempo livre.

Cabe a você decidir no que deseja investir seu tempo e esforço. Seja em uma atividade que lhe traga mais prazer, mais reconhecimento, mais orgulho ou mais dinheiro.

Para te ajudar nessa missão, vamos conversar sobre algumas ideias para:

Trabalhar por conta própria como autônomo

A maiorias das ideias para trabalhar por conta própria são de serviço. Ou seja, mais do que nunca, você precisa ter em mente o principal fator que decidirá o seu sucesso ou fracasso: a qualidade do serviço. As pessoas hoje querem economizar tempo e contar com um serviço profissional, que seja prestativo do início ao fim do trabalho.

Veja algumas ideias para trabalhar por conta própria:

Fotógrafo

Quem não gosta de fotografia? Essa divertida arte pode trazer lucros altíssimos. Um fotógrafo de sucesso cobra facilmente R$2.000 por casamento ou R$500 por evento infantil. E hoje em dia, com o avanço da tecnologia, essa atividade se tornou muito mais acessível.

Eventos sociais e marcos da nossa vida foram tomados por novas tendência de books e serviços. Como se trata de uma arte empírica, não é preciso nenhuma burocracia ou curso superior para iniciar a carreira. Basta ter um CNPJ MEI como fotógrafo e um bom portfólio de fotografia para captar clientes.

Para começar, recomendo que compre uma câmera fotográfica usada e aprenda o máximo possível de fotografia básica. Depois disso, comece a treinar com seus amigos e conhecidos. Quando se sentir seguro, crie sua página e divulgue o seu trabalho online.

No vídeo abaixo, veja dicas para ser um bom fotógrafo e comece já a colocar em prática uma das ideias para trabalhar por conta própria:

Serviços de beleza

Áreas relacionadas à vaidade já possuem um bom valor agregado por si próprias. As que necessitam de uma mão de obra muito qualificada e confiança, mais ainda. Por isso, é comum que uma cabeleireira ou maquiadora muito boa costuma carregar suas clientes mais fiéis ao trocar de salão.

Hoje em dia, está popularizado os serviços de beleza a domicílio. Muitas pessoas já não têm tempo para se locomover até um salão e aguardar por horas. Isso abriu um leque de oportunidades para profissionais ágeis. Para começar nessa carreira, você precisa prezar pela ótima qualidade do trabalho e experiência na área.

Confira os serviços de beleza que podem ser prestados em casa:

  • Maquiagem
  • Manicure e pedicure
  • Massoterapia
  • Limpeza de pele
  • Corte de cabelo

Coordenador de eventos

Você já teve que organizar uma pequena festa para amigos? Caso sim, deve imaginar os recursos necessários como tempo, dedicação e dinheiro. Acrescente o fator de alguns tipos de festas como aniversários acontecerem apenas uma vez na vida, e você entenderá a responsabilidade de um cerimonialista ou coordenador de eventos.

É preciso entender o que o cliente quer, reunir os melhores fornecedores (não os mais baratos, mas os que nunca deixarão você na mão) e monitorar cada pequeno detalhe como comida, salão, música, para que tudo seja perfeito e inesquecível. Os clientes não têm esse tempo disponível, mas o coordenador de eventos tem.

Para se tornar um, recomendo que você seja muito organizado. Depois disso, comece a estudar os tipos de eventos e reunir os fornecedores necessários para cada tipo. Nessa listagem, você já pode entrar em contato com todos para fechar parcerias onde você sempre indica ele e ele você.

Artesão

Vivemos em um mundo industrializado. Até a agricultura está mecanizada. No entanto, ainda existem áreas em que as máquinas não chegaram. É nelas que existem oportunidades para artesãos lucrarem. Normalmente, esse trabalho ocorre em nichos de mercado onde a utilização da produção em massa não se justifica ou em trabalhos complicadíssimos.

Existem diversos tipos de exemplos, e se ao ouvir falar em artesanato, você imagina artes de calçada (sem desmerecê-las), é preciso rever os seus conceitos. Todos os itens da lista abaixo são tipos de artesanato que podem ter ótimos valores de venda. Confira:

convites artesanato ideias para trabalhar por conta propria
Convites de casamento personalizados.

 

convites artesanato ideias para trabalhar por conta propria
Livro do bebê customizado

convites artesanato ideias para trabalhar por conta propria
Móveis rústicos reciclados.

Manutenção de smartphones e tablets

Caso não tenha notado, computadores de mesa e notebook caíram no desuso. Hoje, eles se tornaram eletrônicos utilizados majoritariamente por profissionais e gamers. O lugar deles foi tomado pelos eletrônicos móveis como smartphones. Por esse uma mudança tão repentina, o mercado ainda não possui tantos técnicos capazes de prestar a manutenção dos aparelhos.

Normalmente, ela é simples e consiste em apenas trocar peças, principalmente se você já possui algum conhecimento de eletrônica padrão. Existem muitas aulas online sobre e alguns cursos para você ter mais segurança na hora de abrir esses computadores de bolso.

Dê aulas particulares sobre qualquer coisa

Todo conhecimento tem valor. E com certeza você sabe coisas que milhares de pessoas desejam dominar. Desde conteúdo de reforço como matemática até habilidades como costura, yoga, música e etc. Existem muitas plataformas que mediam o encontro entre alunos e professores. Eu recomendo o aplicativo Apprise que é gratuito.

Caso ensinar seja realmente sua paixão, vale criar um canal no YouTube e um curso online para vender. Assim você pode lucrar com suas aulas até enquanto dorme. É a melhor forma de escalar esse tipo de trabalho sem ter de trabalhar muitas horas por dia.

Representante de vendas (revenda)

Muitas marcas famosas, de cosméticos, eletrodomésticos, serviços virtuais e até vestuário, resolveram apostar em uma tática que está conquistando muitos adeptos. Trata-se da revenda de produtos online, como representante de vendas.

Além de lucrativa, a atividade pode ser realizada do conforto de sua casa. Portanto, essa é uma ótima opção para quem quer driblar o desemprego ou precisa de uma renda extra.

Por meio dessas representações, é possível desenvolver lojas virtuais, de forma gratuita e se tornar um revendedor autorizado da marca que você escolheu para trabalhar.

– Veja abaixo algumas das empresas que já dispõem desse tipo de negócio:

Polishop: um dos grandes nomes no modelo de negócios em Marketing Multi Nível (MMN) é a Polishop. Para começar, basta se cadastrar no site e investir em um dos planos oferecidos para empreendedores. Depois, terá acesso à uma loja virtual personalizada com produtos da marca – e que variam de acordo com a modalidade escolhida.

Você poderá divulgar sua loja para amigos, familiares e em seus canais preferidos. A empresa oferece ainda uma rede de apoio para seus revendedores, por meio de canais de atendimento espalhados pelo país, palestras, reuniões, suporte nas mídias sociais, tutoriais em vídeo, entre outros – tudo isso para garantir o sucesso da revenda.

Outra forma de gerar renda por meio da empresa é com indicações. Cada novo empreendedor cadastrado na empresa (por sua indicação) gera uma comissão. Leia mais aqui.

Infoprodutos do Hotmart: a empresa ela oferece a modalidade de revenda com programa de afiliados. Nela, você encontra milhares de infoprodutos para revender online em seu blog, redes sociais ou aplicativo. Você pode colocar banners, links e utilizar outras estratégias que desejar para fazer com que seus visitantes/seguidores cliquem e comprem os produtos da marca. As comissões são bem generosas!

Magazine Luiza: a empresa oferece a oportunidade de montar uma loja virtual personalizada com seus produtos, sem ônus para o empreendedor. Acessando o Magazine Você, é possível ter uma vitrine virtual dos produtos da marca sem precisar investir um centavo! As comissões variam de acordo com sua classificação, podendo chegar a 10%. Tudo vai depender da divulgação que fizer da sua loja virtual para amigos, família e em seus canais preferidos.

Um ponto interessante desse sistema é que não há limite para a quantidade de produtos cadastrados na loja!

Seja um Freelancer na área de comunicação

Se você gosta de escrever e se dá bem com as palavras, independente de sua área de atuação (pedagogia, psicologia, direito, comunicação, relações públicas etc), pode começar a pensar na escrita como maneira de ganhar dinheiro. Você pode atuar como redator para blogs, sites e redes sociais.

Seja um redator freelancer
Ser um freelancer é uma das ideias para trabalhar por conta própria e em casa

Hoje em dia existem alguns sites e plataformas que aceitam profissionais de todas as áreas de atuação como freelancers para produção de conteúdo. Esse é o caso da Rock Content, por exemplo. A empresa, especialista na área de marketing digital, mantém uma base de redatores freelancers para abastecer os blogs, sites e conteúdos especiais criados para seus clientes.

Para começar, basta passar pelos processos de certificação, que são gratuitos, e criar uma candidatura, enviando um texto escrito por você para análise. São várias áreas de conhecimento disponíveis e, depois de ter sua candidatura aceita, você pode produzir quantos textos quiser. O pagamento é feito por tarefa concluída, à medida em que forem aprovadas.

Outros sites e plataformas online também aceitam conteúdo terceirizado de redatores freelancers. O ideal é que você pesquise e descubra quais são os melhores e que disponibilizam trabalho com mais frequência, caso você pretenda fazer desta sua atividade principal para gerar renda. Outra dica é procurar estudar e se desenvolver como redator. Os melhores sempre são requisitados no mercado e sempre estão preparados para pegar os melhores jobs.

Para te ajudar, reunimos algumas dicas de como ser um redator freelancer de sucesso. Veja!

Tenha um portfólio online: neste espaço você poderá publicar seus melhores artigos e deixá-los à disposição de seus potenciais clientes. Eles conhecerão seu trabalho e terão mais segurança em contratá-lo.

Organize seu tempo: ser freelancer não é tarefa fácil, embora possa parecer. É preciso muita disciplina, principalmente com os horários – que devem ser muito bem definidos para trabalho, pausa e diversão. Se você não se organizar, acabará não conseguindo cumprir o prazo para a entrega dos seus projetos e isso é muito, muito ruim, podendo abalar a relação de confiança entre você e o cliente.

Mantenha-se atualizado: pesquise tendências de mercado, leia muito (principalmente sobre o que irá escrever) e se atualize sobre melhores práticas de escrita.

Conhecimentos mínimos para o trabalho: se o seu foco é escrever para a web é importante estudar sobre os mecanismos de busca (Google, Yahoo, Bing etc) e ter o mínimo de noção sobre SEO (Search Engine Optimization ou, em português “Otimização para mecanismos de busca”).

Babá

Se você foi presenteado por Deus com muita paciência e tem o dom de lidar com crianças, pode trabalhar como babá. Cuidar de crianças em seu tempo livre ou aos fins de semana é uma oportunidade de ganhar dinheiro! Não precisa de muito investimento para começar a trabalhar. Precisará apenas de adquirir um kit de primeiros socorros e adaptar sua casa para a segurança das crianças, como colocar protetores nas tomadas; guardar objetos cortantes longe do alcance dos pequenos; vistoriar fios desencapados e instalação elétrica para evitar choques, entre outros.

Tudo deve ser pensado nos mínimos detalhes. Após essa etapa, divulgue para suas amigas e família sua intenção. Essas pessoas poderão indicar seus serviços para outros conhecidos. Você poderá ganhar por hora, no caso de finais de semana, por exemplo, ou definir uma valor fixo para cuidar dos pequenos em sua casa.

Para se dar bem e conseguir conquistar cada vez mais clientela, siga algumas dicas básicas:

  • Seja organizada
  • Seja honesta
  • Esteja preparada para os percalços da atividade
  • Ajude as mães
  • Monte uma lista de informações de segurança e saúde das crianças
  • Conheça os seus limites (Leia mais aqui).

Se sentir necessidade de ler e estudar sobre o assunto, antes de assumir a atividade de cuidadora de crianças, procure por cursos e treinamentos sobre o assunto. Na web você encontra vários artigos, cursos online – e até mesmo gratuitos – e muitos tutoriais em vídeo no youtube.

Cuidadora de pets

Se você também é bem paciente e amorosa, mas gosta mesmo é de um lindo filhotinho, talvez ser uma babá de animais seja uma das boas ideias para trabalhar por conta própria. Essa atividade está em alta e pode render uma boa renda para quem se dispõe a cuidar dos bichinhos dos outros.

Antes de se aventurar na atividade, fique atenta a alguns critérios para oferecer seus serviços com qualidade e profissionalismo – e desta forma conquistar sua clientela!

  1. Mantenha todas as informações de contato com os donos dos animais atualizadas;
  2.  Dê referências (de trabalhos anteriores ou pessoais, de conhecidos que poderão afirmar o quanto você está preparada para a função);
  3. Conheça o animal antes;
  4. Siga todos os horários e instruções definidas pelo dono do bichinho;
  5. Adapte sua casa para proporcionar segurança e bem-estar ao animal, durante o tempo em que ele estiver lá;
  6. Dê muita atenção para o animalzinho

Serviço de limpeza e organização

Essa é uma área que nunca falta trabalho. As pessoas estão sempre precisando de alguém que as ajude nas tarefas domésticas, seja para lavar ou passar roupas, dar uma boa faxina na cozinha ou organizar sua despensa. Muitas mulheres descobriram que podem ter uma boa renda oferecendo esse tipo de trabalho. Para ter sucesso, basta ser bem caprichosa e organizada, porque os próprios clientes acabam indicando seus serviços para outras pessoas, desde que seja bem feito.

Para realizar o trabalho com muita qualidade é preciso estar atento aos detalhes. Veja alguns deles:

– Cuide e organize seus produtos e panos para a limpeza da casa;
– Não deixe a sujeira acumular;
– Concentre-se em um cômodo da casa de cada vez;
– Em caso de limpeza pesada, procure dicas de como realizar a limpeza com mais facilidade. Por exemplo: dicas para limpar azulejos, para desengordurar fornos etc.

Decorador de festas infantis

Uma boa oportunidade de trabalhar por conta própria é no ramo de decoração de festas infantis. As mamães e papais estão sempre dispostos a investir em uma festinha bonita e organizada para seus pequenos, fazendo com que nunca falte trabalho no mercado.

Aliado à isso, temos uma vasta oferta de conhecimento sobre o assunto na internet. É possível ter ideias sobre temas, aprender a fazer artes manuais, e apostar em novidades para deixar seu trabalho ainda mais personalizado e encantador.

É preciso que você faça um pequeno investimento para começar, mas com o tempo e à medida em que conquistar mais clientes, poderá reinvestir o dinheiro que ganhou e fazer seu negócio crescer e deslanchar. Para começar, invista em materiais para confecção das decorações, como toalhas, bandejas, mesas, estruturas metálicas, louças, tintas, tecidos, cola e outros.

De acordo com o Sebrae, o tipo de material necessário para preparar as decorações podem variar de acordo com o cenário e produtos contratados, mas as principais matérias primas necessárias são: Isopor, pincéis, fitas, tecidos, cola, tintas especiais, diversos tipos de papéis, tesoura, lápis, cortador de isopor, compensado de madeira, papéis coloridos, papelão e outros.

Monte uma hamburgueria

As hamburguerias estão em alta no momento! As pessoas gostam de provar novos sabores e combinações inusitadas e estão dispostas a pagar por essa experiência. Esse também é um negócio prático, que exige pouca habilidade, mas muita atenção com a higiene. Se você é uma pessoa organizada e que gosta de cozinhar, sua renda extra pode estar aí!

Uma hamburgueria é uma boa sugestão para quem busca ideias para trabalhar por conta própria
Uma hamburgueria é uma boa sugestão para quem busca ideias para trabalhar por conta própria

Montar sua hamburgueria de forma independente ou ser franqueado de alguma empresa, é uma boa para que busca ideias para trabalhar por conta própria. Nos dois casos terá de seguir diretrizes e políticas sanitárias para conseguir autorização para trabalhar com alimentos que são ofertados ao público consumidor.

O investimento inicial pode variar entre R$4 ou R$7 mil – para a compra dos primeiros produtos e infraestrutura do estabelecimento.

Como em todo mercado, neste também não basta apenas montar um negócio e contar com a sorte para dar certo. É preciso se destacar e conquistar o cliente, fidelizá-lo. Por isso, ao investir em uma hamburgueria é preciso pensar em diferenciais competitivos e que farão com que o público se apaixone pelo seus sanduíches.

Crie molhos criativos, ofereça combos atrativos – em tamanho ou em preço -, peça a opinião de clientes e amigos sobre os produtos que está usando para saber se a qualidade está agradando. Enfim, não tenha medo de investir no negócio, mas fique atento aos detalhes para que sua hamburgueria tenha sucesso.

Equipamentos para montar uma hamburgueria

Antes de comprar os primeiros equipamentos para sua hamburgueria, faça um pequeno projeto de layout da loja. Pense em como equipar o salão, com mesas, cadeiras e etc. Pense também no tom da decoração, iluminação, ventilação, fachada e ambientação do local.

ideias-para-trabalhar-por-conta-p´ropia-monte-sua-hamburgueria

Alguns equipamentos necessários:

Armazenamento

  • Geladeira
  • Freezer
  • Armários
  • Balcão Refrigerado

Preparação

  • Mesa com cuba;
  • Panelas
  • Talheres
  • Balcão de inox

Utensílios de cozinha em geral

  • Extrator de sucos
  • Liquidificador industrial
  • Máquina de fazer gelo

Cocção

  • Fogão industrial
  • Chapa quente

Higienização

  • Exaustores
  • Coifa

Atendimento / Móveis e Utensílios

  • Mesas
  • Cadeiras
  • Balcão
  • Bancada
  • Armários
  • Bandejas
  • Pratos
  • Talheres
  • Copos

Lojinha de sucos e vitaminas

Mais um negócio que exige pouco investimento e tem grande potencial de renda. Os quiosques e lojinhas de sucos e vitaminas estão espalhados pela cidade.

Basta ficar parado cinco minutos ao lado de um para ver que a atendente não para um minuto! Isso porque é um lanche rápido e saudável, especial para pessoas que estão com pressa e não podem parar para fazer uma refeição naquele momento – e vamos combinar que cada vez mais as pessoas vivem nessa situação! Por isso o motivo de tanto sucesso.

ideias-para-trabalhar-por-conta-própria-sucos

De acordo com o Sebrae, o mercado de sucos abocanhou uma fatia de 16% referente aos 60 bilhões de litros de bebidas não alcoólicas vendidos no ano passado. Esse seria um bom indício de que o mercado é mesmo promissor.

Para começar você precisará definir a localização da loja, cuidar da estrutura e equipamentos, escolher o cardápio e divulgar muito sua loja.

Estrutura para montar uma casa de sucos

Ao entrar em um estabelecimento para comprar um suco natural ou vitamina, o cliente deve se sentir bem. Por isso, o estabelecimento deve ter no mínimo 35m², podendo ser ampliado de acordo com o crescimento do negócio.

O ideal é que haja espaço confortável para mesas e cadeiras e também um banheiro para uso da clientela. O local também deve estar em perfeitas condições de higiene, limpeza e organização.

Para instalações menores, como quiosques e lojas de shoppings, por exemplo, não há necessidade de banheiro, mesas ou cadeiras, mas é preciso investir em um balcão de atendimento, uma bancada para a produção dos sucos, uma pia para lavar as frutas e espaços reservados para o caixa, estoque e geladeira.

A área reservada para estoque deve ser bem protegida, arejada e separada do público, de acordo com o Sebrae.

Também é aconselhável que a área de preparo dos sucos esteja visível ao público. Isso atraí a atenção dos clientes que estejam passando pelo local e desperta neles o interesse pela bebida, além de aumentar a sensação de segurança e higiene para clientes exigentes.

Os pisos e paredes devem ser de material lavável de cor clara, de preferência azulejos, cerâmicas e porcelanatos e o local de armazenamento das frutas e manipulação não pode ser próximo de onde transitam substâncias tóxicas.

Mitos sobre trabalhar por conta própria

Ideias para trabalhar por conta própria é o que você busca neste texto. Mas, antes de continuar, é bom se perguntar: você está pronto para isso?

Como diz o ditado, para cada escolha, há uma renúncia. E nós não devemos fugir dessa realidade, não é mesmo?

Ao ser autônomo, você trabalhará completamente sozinho. Sem colegas, chefes ou empregados. E normalmente, esse tipo de escolha, é feita sob condições de alto risco. Para trabalhar como autônomo, você terá de abrir mão de suas rendas constantes como empregado.

Você está pronto para colocar em prática suas ideias para trabalhar por conta própria?
Você está pronto para colocar em prática suas ideias para trabalhar por conta própria?

Eu lembro do dia que tomei essa decisão como se fosse ontem. O medo da incerteza misturado à animação das possibilidades de rendimentos era intenso. Essa sensação, ao mesmo tempo que deu um frio na barriga, me impulsionou para dar o melhor de mim 24 horas por dia. Afinal, não existiam mais limitações de horário, chefe ou salário.

Quando você decidir, tudo dependerá apenas de você. Por isso pode ser a grande virada em sua vida, onde a sua renda será muito maior do que trabalhando na maioria dos empregos.

Imagino que, por estar lendo este texto, você já possua o espírito empreendedor. Ou seja, você não se contenta em bater o ponto e viver todos os dias confinado em um ambiente de trabalho que não é o seu.

Mas se você é do tipo que quer se livrar do chefe porque não quer ter compromisso de prestar contas e porque não quer ter horário, trabalhando pouco por semana.

Aconselho que continue em seu emprego.

Trabalhar por conta própria é o oposto de tudo isso. É ser aquela pessoa independente que faz de tudo para não trabalhar 8 horas por dia – até trabalhar 12 horas por dia. Suar e se dedicar a algo que é seu é muito bom.

“Seu tempo é limitado, então não perca tempo vivendo a vida de outra pessoa”. Steve Jobs.

O brasileiro leva isso muito a sério. Por isso somos a nação mais empreendedora entre os país que compõe os Brics. Nossa taxa de empreendedorismo inicial é de 21%, superando os chineses em oito pontos percentuais. Nós também ganhamos de países como Estados Unidos e Alemanha. Esses dados são da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) 2015. Veja mais dados:

  • 4 em cada 10 brasileiros estão envolvidos na criação de uma empresa
  • Muitos brasileiros empreendem por necessidade (uma péssima forma de abrir uma empresa)

Por isso, neste texto tratei ótimas ideias para trabalhar por conta própria e dicas para você ser bem sucedido nessa missão. Se tiver qualquer dúvida, basta comentar no fim do artigo.

Boa leitura!

Oportunidade de carreira ou cilada?

Vale pena investir em ideias para trabalhar por conta própria? Vale se ela possuir alguns indícios de que dará certo. Nem tudo aqui se resume à sorte. Muitos fatores podem e devem ser testados para que você não saia da segurança do seu emprego para se jogar em um negócio fadado ao fracasso.

Eu já quebrei uma vez. Foi um momento muito difícil para mim. Tinha uma ótima ideia e a executei sem me planejar.

Faltou experiência nas decisões e no fim, a reserva de dinheiro que preparei acabou, deixando muitas dívidas. Eu não recomendo essa experiência a ninguém. Portanto, leia até o final e garanta que conseguirá se tornar autônomo com mais segurança, colocando em prática todas as ideias para trabalhar por conta própria.

Não perca oportunidades de colocar em prática suas ideias para trabalhar por conta própria
Não perca oportunidades de colocar em prática suas ideias para trabalhar por conta própria

O meu checklist pessoal para avaliação de ideias para trabalhar por conta própria é:

  • É possível executá-la de uma forma inovadora?
  • O segmenta dessa ideia está em crescimento?
  • O que pode dar errado que eu não posso controlar?
  • Quais são os pontos-chave para o sucesso? Eu os terei sob controle?
  • É possível testar a ideia?

Algumas verdades sobre trabalhar por conta própria

Não tenho a intenção de te assustar, nem mesmo te fazer mudar de ideia, mesmo porque se você está aqui é muito determinado e consciente da sua escolha.

Minha intenção é fazer com que você avalie as possibilidades e encare o mercado empreendedor com todas as balas na agulha.

Se não houver planejamento, vai falhar. Se não houver dedicação, não vai pra frente. Se não for trabalhada com cuidado, sua ideia não vai vingar.

Para clarear suas ideias um pouco mais, vamos conversar sobre algumas verdades? Elas trazem algumas dificuldades que você poderá enfrentar nessa jornada.

O que você precisa avaliar e me dizer é: está preparado?

1ª – Você não poderá sair por aí gastando dinheiro

A jornada empreendedora requer esforço e muita disciplina financeira. Nada de esbanjar o dinheiro gasto. É preciso reinvestir, fazer poupança para passar por tempos difíceis, e além de tudo pagar as contas. Só assim você conseguirá colocar em prática todas as ideias para trabalhar por conta própria.

Um negócio sustentável requer um alto nível de equilíbrio financeiro e emocional. Você não poderá sair por aí comprando tudo que gostar, nem para você, nem para seu negócio. Antes, terá que planejar e fazer as contas para saber se aquela despesa cabe no seu orçamento.

Se você gastar o que vier às mãos, não terá uma base financeira sólida para passar por momentos de crise – e acredite, eles virão.

2ª – Você precisa se conhecer

“Conhece-te a ti mesmo”.

A frase, escrita na entrada do Templo de Apolo, em Delfos, foi o grande tema de Sócrates. O filósofo entendia a necessidade de autoconhecimento para enxergar satisfação na vida e até mesmo no trabalho.

Uma das grandes verdades sobre ideias para trabalhar por conta própria é que o trabalhador precisa se conhecer. O fato de ter liberdade para investir no que te traz satisfação pode gerar certo desequilíbrio na sua cabeça habituada com a rotina de trabalho tradicional.

Para se direcionar, você deve saber responder algumas perguntas básicas sobre sua personalidade, como:

  • Vou conseguir me concentrar se ligar a TV enquanto trabalho?
  • Gosto do silêncio para trabalhar ou prefiro o ruído de lugares mais movimentados, como os coworkings?
  • Vou dividir minha jornada em vários períodos durante o dia, ou trabalhar em um horário fixo?

3ª – Você não pode fazer tudo sozinho

O fato do sucesso de seu negócio depender de você, não quer dizer que tenha que fazer tudo sozinho. Alguns empreendedores não conseguem desapegar, ou delegar atividades para amigos, familiares e companheiros que tenham disposição de ajudar.

Eles querem sozinhos dar conta das compras, das vendas, das entregas, do faturamento, da divulgação da empresa e milhares de outras coisas relacionadas ao universo do negócio.

Saiba exatamente quais os seus pontos fortes e invista neles! Suas ideias para trabalhar por conta própria dependem disso para que você tenha sucesso. Não perca tempo tentando fazer o que você não leva nenhum jeito.

Peça ajuda!

4ª – Mudanças podem ocorrer a qualquer momento

As ideias para trabalhar por conta própria têm os seus encantos, mas também seus entraves. Tudo pode mudar e em velocidade recorde. Uma empresa, para a qual você mais produz, pode da noite pro dia resolver mudar sua política de gastos e cortar seu freela.

Seu mercado pode passar por uma crise, ou seu produto pode perder demanda. A verdade é que não estamos preparados para lidar com essas coisas, mas deveríamos se queremos mesmo levar adiante as ideias para trabalhar por conta própria.

O empreendedor, mais do que ninguém precisa saber ajustar suas expectativas e mudar sua visão quando for necessário. Só assim ele será capaz de ajustar a rota quando algo fugir do planejado.

A vida de autônomo traz seus desafios, mas também muitas satisfações. Eu não poderia ter tomado decisão melhor para seguir o meu caminho profissional.

Quando tive dúvidas, inseguro sobre se essa era a melhor decisão para minha vida, busquei referências para me apegar.

Li livros, vi filmes e conheci bibliografias de grandes empreendedores para me inspirar. Depois que discutimos sobre os encantos, os benefícios e também os desafios de trabalhar por conta própria, compartilho com você algumas dessas histórias.

Veja e inspire-se!

Empreendedores para se inspirar

Cleusa Maria da Silva

Você já ouviu falar da Sodiê Doces? A empresa é fruto do trabalho e empenho de uma mulher que passou por muitos percalços na vida.

Cleusa começou a trabalhar com nove anos como cortadora de cana, foi doméstica, recepcionista e só atinou que podia vender bolos, para ter uma renda extra depois de adulta.

Atualmente, ela é franqueadora de uma rede enorme de lojas – são mais de 230 – espalhadas por todo o Brasil.

Romero Rodrigues

Apesar da pouca idade, o jovem rapaz se destacou como fundador e CEO da empresa Buscapé. Mesmo lidando com diversos desafios, ele acreditou no modelo de sua empresa e fez com que ela se tornasse uma das maiores do segmento no Brasil. Ele ainda orienta novos empreendedores sobre como lidar com dificuldades em seus negócios, por meio de seu site e redes sociais.

Ben Kaufman

A revista norte-americana Inc nomeou Ben Kaufman como o melhor empreendedor do ano com menos de 30 anos.

Isso aconteceu em 2007, logo depois que o ele criou a Mophie, uma empresa que produzia acessórios para iPod. Depois disso, ele descobriu sua paixão por empreender e não parou mais. Em 2009 criou o site rowndsourcin Quirky.

Dra. Carla Sarni

À frente de uma das maiores redes de franquias de clínicas odontológicas do Brasil, Dra. Carla Sarni se viu obrigada a driblar muitas dificuldades para chegar aonde está.

Quem vê o império construído não imagina que durante a faculdade, Carla fazia trabalho voluntário para conquistar os créditos para se formar.

Foi nessa época que ela teve a brilhante ideia de criar um modelo de negócios que possibilitasse um atendimento de qualidade para pessoas das classes C e D. Dessa jornada nasceu a Sorridents.

Hoje, a rede possui mais de 160 unidades, levando atendimento digno para pessoas de baixa renda.

Bel Pesce

Paulistana, Bel teve uma das boas ideias para trabalhar por conta própria. Ela passou sete anos nos Estados Unidos e voltou ao Brasil depois de criar a escola de desenvolvimento de talentos FazINOVA que oferece uma plataforma online de cursos gratuitos.

A empreendedora estudou no famoso Massachusetts Institute of Technology (MIT), trabalhou em grandes empresas como a Microsoft e o Google. Escreveu um livro muito famoso entre os empreendedores brasileiros que se chama “A Menina do Vale”.

O livro fez sucesso por aqui e ajudou a colocar a palavra empreendedorismo nas discussões de jovens e adolescentes que não se ligavam no assunto.

Outros nomes de empreendedores de sucesso para se inspirar:

Elon Musk – cria empresas rentáveis que vão desde foguetes a carros elétricos

Bill Gates – fundador da Microsoft

Eden Full – inventou a SunSaluter, um captador solar

Mark Zuckerberg – idealizador e fundador do Facebook

Claudia Bittencourt – montou sua própria empresa de consultoria após ficar viúva

Kevin Systrom – fundador do Instagram

Nathan Blecharczyk, Joe Gebbia, e Brian Chesky – fundadores da startup Airbnb

Luiza Helena Trajano – fundadora do Magazine Luiza

Veja, no vídeo abaixo, dicas para descobrir se suas ideias para trabalhar por conta própria valem a pena:

Conclusão – Vale a pena trabalhar por conta própria?

Acredito muito que tudo aquilo que desejamos com o coração e acreditamos que é para o nosso bem e o bem dos que estão ao nosso lado, vale sim à pena.

Aqui, talvez a grande questão em cada uma das ideias para trabalhar por conta própria é equilibrar o risco, os possíveis ganhos e o esforço necessários para ser bem sucedido.

Essa relação é quase matemática:

Se tiver pouco risco e pouco esforço na execução, traz poucos ganhos. Se não é arriscado e traz ótimos ganhos, o esforço deve ser pouco (e o tempo de lucratividade da ideia também, já que será amplamente copiada).

E como sempre digo, não conseguimos nada se não nos empenharmos em fazer o melhor por aquilo que cultivamos.

Você até pode decidir se tornar um advogado autônomo, mas o seu planejamento e organização devem ser muito mais amplos, contemplando todos os longos anos de faculdade, tempo de prática e etc. A chance de altos ganhos é ótima, mas o esforço empregado é igualmente alto.

Portanto, tenha sempre em mente o que você quer e precisa para poder sair do seu emprego e seguir as suas ideias para trabalhar por conta própria com determinação e empenho.

Afinal, existem mais de 14,2 milhões de brasileiros desempregados. Mas, se focarmos sempre em números e estatísticas, garanto a você que nunca sairemos do lugar.

Foi assim comigo.

Só consegui chegar onde sempre desejei, quando olhei para mim mesmo e confiei em meu potencial, em minhas ideias para trabalhar por conta própria e no quanto elas eram valiosas para mim.

Hoje sei que fiz a escolha certa e é por isso que escrevo esse artigo: para orientar você a seguir pelo caminho em que acredita. Por isso, também, criei o curso Trabalho Internet: para auxiliar nesse começo e ser o apoio necessário durante toda a sua jornada.

Nesse link aqui, você encontra um pouco sobre o caminho que trilhei e minha história na busca de como ganhar dinheiro na internet. E perceberá que todas as dúvidas e dificuldades que você tem agora, também já passaram por minha cabeça.

Afinal, ninguém está a salvo delas.

E, se depois de ler todo esse artigo, você tiver a certeza de que precisa realmente colocar em prática suas ideias para trabalhar por conta própria, fico feliz em ter ajudado nessa pate do caminho.

Ficou alguma dúvida? Quer fazer alguma pergunta? Responda como um comentário que eu vou te ajudar a iniciar seu empreendimento digital!

Deixe também alguma pergunta ou sugestão, que irei responder com prazer.

Um abraço e até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *